Você quer permitir EXPLORAÇÃO SENSORIAL, mas tem medo da bagunça? Esse texto pode te ajudar!!!

Eu sempre falo lá no @ambientepreparado que o importante é a gente PERMITIR a exploração da nossa criança, mas hoje queria te falar que eu te entendo porque muitas vezes não é fácil pra gente, né?! Esse “permitir” envolve muuuuita coisa!!!

Por exemplo, aqui em casa eu planejei uma área para que a “bagunça” acontecesse (a gente chama de “área de brincar”) então é nesse ambiente que a Rebeca [já] sabe que pode brincar com tinta, com água e com massinha, por exemplo. Mas eu ainda tinha muita dificuldade de permitir explorações sensoriais maiores, tipo "mini-mundos", e atividades assim sabe?! Eu ficava imaginando os pequenos grãos espalhados pela área e já ficava com medo da limpeza que estava por vir! Você é assim também?!


Mini Mesa Sensorial @justbeemoms da Rebeca. Projeto: Audrey Migliani @ambientepreprado. Foto: Audrey Migliani

Se sim, preciso te contar que a rotina da nossa família mudou muito depois que as meninas da @justbeemoms toparam uma parceria comigo e mandaram um kit de Mini Mesa Sensorial com um banquinho de presente pra Rebeca (e pra mim, que não preciso mais me preocupar com a bagunça hehehe).


Área de Brincar da Rebeca. Projeto: Audrey Migliani @ambientepreprado. Foto: Kelly Queiroz @kellyqueirozfotografia

Eu fiz um vídeo IGTV pro Instagram com todas as atividades que fizemos só durante a primeira semana que a mesa estava aqui com a gente pra comprovar que meu problema [com a bagunça] estava resolvido e como forma de agradecer a confiança das meninas @justbeemoms no meu trabalho !!! :) Ficamos encantadas (e seguimos apaixonadas).

Nós não paramos de fazer atividades por aqui, eu só parei de mostrar porque meu foco nunca foi mostrar atividades em si, tem muito ig que é maravilhoso com inspirações que podem te dar muuuuitas dicas.


Algumas vantagens das mesas sensoriais (ou mesas de exploração) são que elas são capazes de: 1) restringir a área de trabalho já que a criança se organiza para realizar a atividade dentro de um espaço delimitado (o que colabora com o desenvolvimento do senso de ordem interna da criança); 2) permite que a criança alcance sua atividade com facilidade, já que a mesa tem a altura ideal para as dimensões da criança; 3) é muuuuito mais fácil de limpar porque mantém todos os itens da atividade dentro de uma área limitada; 4) quando está “fechada” transforma-se numa mesa tradicional, podendo ser utilizada pela criança para realizar tarefas da escola, pinturas recreativas, e quaisquer atividades que ela deseje e/ou você proponha.

Área de Brincar da Rebeca. Projeto: Audrey Migliani @ambientepreprado. Foto: Kelly Queiroz @kellyqueirozfotografia
Área de Brincar da Rebeca. Projeto: Audrey Migliani @ambientepreprado. Foto: Kelly Queiroz @kellyqueirozfotografia


Uma dica para você escolher a mesa ideal é que você fique atenta ao acabamento!!! Rebarbas e pontas nunca são bem-vindas em mobiliário infantil porque elas podem machucar sua criança! Como eu tenho um exemplar em casa da mesa das @justbeemoms posso recomendar de olhos fechados porque sei que você vai receber um produto que proporciona segurança (graças às suas quinas boleadas e abauladas); e autonomia (já que a criança é livre para usar e transportá-la por ser um material com peso e dimensões proporcionais à criança). Além disso, garanto que seu ambiente vai ganhar um item de design incrível!


Sério! EU nunca encontrei igual no Brasil (por isso pedi pra as meninas hehehe). Suas cores claras e seus traços clean garantem que as experimentações (e não a mesa) ressaltem aos olhos e conquistem o interesse da sua criança.


Dá uma olhada nas fotos aqui embaixo com mais detalhes do design dela!!!



Eu optei pela Mini Mesa Sensorial com um banquinho por causa do meu espaço. Ela mede: 49 cm de altura; 47,5 cm de largura; e 53,5 cm de profundidade, pesando só 5kg. Por isso, ela se adequou perfeitamente ao nosso ambiente! sz Mas as meninas da @justbeemoms também fabricam e comercializam o modelo com bandeja dupla. Vale a pena você dar uma olhada nela aqui.


Área de Brincar da Rebeca. Projeto: Audrey Migliani @ambientepreprado. Foto: Kelly Queiroz @kellyqueirozfotografia

Ambas são feitas com estrutura em madeira maciça de reflorestamento (caxeta), são resistentes à água (devido seu acabamento em resina e cera), e possuem tampo em MDF com acabamento em pintura branca. As bandejas (ou a bandeja, no caso da mini mesa) são de polietileno brancas. Maravilhosass!!!



Eu quero agradecer muuuuito, mais uma vez, a confiança e a generosidade das meninas do @justbeemoms e te convidar a conhecer melhor o trabalho delas: tem produtos físicos e arquivos digitais de uma qualidade sensacional e com preços super justos! Passa lá no site delas pra dar uma olhada. Tenho certeza que você não vai se arrepender!!!





Espero que você tenha gostado e que essas informações tenham sido úteis para você! Vamos conversar mais sobre isso?! Se você tem alguma dica de atividade para compartilhar comigo eu vou amar saber, conte para mim lá no meu Instagram @ambientepreparado o que você achou dessa nossa conversa de hoje!


Beijo grande, com MUITA gratidão!

Estou ansiosa pelo nosso próximo bate-papo por aqui :)

Por Audrey Migliani.

Mãe e Arquiteta ♡

CAU A105110-5 ♡

Doutoranda em Arquitetura e Urbanismo ♡

Educadora Assistente no Método Montessori pelo Lar Montessori 💞


43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
TODA CRIANÇA MERECE UMA CASA SEGURA E INCLUSIVA!     
 
Por Audrey Migliani 
Mãe e Arquiteta
  • Grey Pinterest Ícone
  • Grey Instagram Ícone